inicio
novas
comarcal
convocatórias
contacto
Causa Galiza organiza a segunda Romaria Popular polo Dia da Pátria "15
Por segundo ano consecutivo Causa Galiza organiza a II Romaria Popular no Dia da Pátria, a partir das 14:00 no parque de Lasalhe (junto ao CGAC). A romaria começa as 14:00 com a sessom vermute, acompanhada de música popular ao vivo, com as Porcas Bravas e Airinhos de Estrume. Para o jantar, a um preço de 6 euros, há opçom vegetariana. Este ano contaremos com espaço de animaçom para crianças com atividades variadas para os mais pequenos. Também se contaremos com jogos populares e atuaçom showcase de Garcia.

 

 

 

84º aniversário da proclamaçom da I República Galega
Desde a trama cívico-militar que possibilitou a Revoluçom Galega de 1846 até hoje, o nosso povo deu ao largo da sua História múltiplas e inequívocas mostras da vontade política de ser e viver como um povo livre. A proclamaçom da I República Galega em 1931, embora fugaz no tempo, dado o desfavorável equilíbrio de forças existente na altura, é mais um evento histórico na construçom desse fio condutor coletivo que tem como norte a independência nacional.
Causa Galiza exige a expulsom de ENCE da Ria de Ponte Vedra
Ícone da que no seu dia se definiu como industrializaçom colonial de enclave, a Empresa Nacional de Celulosas de España instalou-se na Ria de Ponte Vedra em 1957 numha área de domínio público cuja concessom se prorrogou até 2018. A aterragem de ENCE com apoio estatal procurava a orientaçom do monte galego para o monocultivo maciço do eucalipto e provocou a degradaçom ambiental da Ria.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Causa Galiza chama a vizinhança de Vigo a paralisar com a mobilizaçom popular as “obras” na rotunda de Coia
Correm tempos de empobrecimento para a maioria, corruçom estrutural e dilapidaçom do dinheiro público. O governo municipal de Vigo, com o seu alcalde Abel Caballero (PSOE) à cabeça, está a dar um novo exemplo neste sentido ordenando a remodelaçom da rotunda situada no bairro de Coia para ubicar nela um dos mais significativos tesouros do património marítimo local de começos do século XX: o barco de pesca industrial Bernardo Alfageme. Após se fazer com ele como património...
Marcha contra Celuloses
Sábado 20 de junho MARCHA CONTRA CELULOSES Saída às 19:30 das Alamedas de Ponte Vedra e Marim

 

 

 

 

 

 


  

 

 

 

PRIMEIRO, A INDEPENDÊNCIA NACIONAL 

Necessitamos com urgência ser umha naçom livre e constituir o nosso próprio Estado ao serviço da maioria social. A rutura com Espanha é chave e inicia-se agora. É umha questom de dignidade coletiva. É a ponte que nos permtirá transitar face um novo modelo sócio-económico no nosso país.

 

 

SOMOS SOCIALISTAS

 Luitamos dia após dia em defesa da classe trabalhadora e das classes populares galegas para construir o socialismo na Galiza. Um socialismo que supere o patriarcado e a opressom das mulheres polos homes. Um socialismo identitário. Um socialismo fundamentado nos órganos de poder popular construidos no processo de liberaçom nacional.

 

 

AUTO-ORGANIZAÇOM POPULAR

 Avançarmos face o horizonte da independência nacional e o socialismo exige preparar-se para umha luita complexa e estarmos dispostas para enfrentar as resistências que oporá a oligarquia espanhola. O conflito de projetos políticos é umha parte, inevitável, deste caminho que as e os independentistas galegos denominamos processo de liberaçom nacional e social.